Igor Queiroz e sua trajetória no wrestling brasileiro.

Igor Queiroz escreve sua história, através da arte marcial. Atleta que inspira confiança, carisma e muita fé.

O Brasil, possui o privilégio de ter atletas de superações. Pátria amada por seus guerreiros, que nunca fogem à luta. Nesta nação de heróis, dentro e fora do esporte revelam ao mundo, seu amor pelo o que praticam. Tivemos a satisfação de conversar com o Sr. Igor Queiroz, atleta da categoria greco-romano, que não gosta de: facilidades nas lutas, valoriza tudo que a vida o impõe, transferi todos os caminhos para um único objetivo de “ser campeão mundial” e elevar ao pódio a bandeira brasileira. Igor demonstra bem seu sentimento, ao referenciar a bandeira do “seu Estado” nas competições nacionais.

O maior crédito por este sentimento patriótico, pertence a família do atleta, que sempre o motivou a prosseguir em busca dos seus sonhos. Igor Queiroz ganhou nosso carinho e respeito, não apenas por suas vitórias, mas principalmente pelo reconhecimento de todos que estiveram a seu lado.

Em homenagem ao atleta, a sua família, a equipe técnica, aos apoiadores e amigos. Coletamos os momentos, que marcaram a vida esportiva deste atleta mato-grossense.

Vamos conhecer mais sobre o atleta Igor Queiroz (IQ), em suas declarações.

DQ – Igor, comente sobre o apoio da família.

IQ – O apoio da minha família é o meu maior diferencial. Tenho: o amor da minha família, tenho pais que fazem tudo por mim, minha família é maravilhosa. Tenho orgulho deles são: muitos guerreiros, são minha âncora. Estão comigo, sempre que podem.

DQ – Descreva a sobre suas horas de treinos.

IQ – Os treinos são de segunda à sábado, mas, quando estamos perto de campeonatos treinamos aos domingos também. Os horários são: pela manhã as 9:00hrs até às 11:30hrs, pela tarde começa às 15:00hrs até às 17:00hrs, pela noite vai das 18:00hrs até às 20:30hrs.

DQ – Comente sobre sua maior dificuldade.

IQ – A maior dificuldade, de todo atleta, está na questão do patrocínio, isto, me afeta também. Hoje, dentre as tantas dificuldades que me encontro, a maior é está vivendo longe da minha família e amigos, pois, sou uma pessoa, bem grudada com a família.

DQ – Quais são seus desejos como atleta?

IQ – Quero me imortalizar no esporte, conquistar medalhas olímpicas para o meu país e fazer da minha história uma motivação, para outros atletas.

DQ – Descreva o que sente ao subir ao pódio.

IQ – Toda vez que ouço o nosso hino nacional, me arrepio desde a ponta do dedão do pé até o último fio de cabelo. Sempre é muito bom lutar pelo Brasil. Quando estou ali no tapete, não é apenas o Igor e, sim todos os guerreiros brasileiros. Resumir o que sinto em uma palavra com toda certeza seria “gratificante”. Vale tudo para ver o meu país no topo, voltar para casa, com a medalha tão sonhado por mim e,  pelo povo brasileiro, além, de servir como motivação para as novas gerações de atletas nacionais.

DQ – Dentre os ícones dos esportes, qual deles você admira?

IQ – No esporte wrestling é Mijain Lopez Nunes. No esporte em geral com toda certeza Ayrton Senna. Gosto muito da história dele e o admiro, pelo o que ele fez ao povo brasileiro.

DQ – Comente sobre seus estudos.

IQ – Quando estudava, tive a sorte de estar em colégios bem flexíveis aos estudos como nos treinos. Agora vou entrar em uma nova fase, que é a faculdade, veremos como vai ser? mas, acredito que vou conseguir conciliar, pois, meu pai sempre me ensinou que existe tempo para tudo na vida.

DQ – Comente sobre o local onde reside sua família.

IQ – Gosto muito de citar “minha cidade”, “meu bairro:Tijucal”, lá tem pessoas: maravilhosas, que me dão ajuda e apoio. Eu tenho uma família na minha comunidade e sou grato a eles por tudo.

Conhecendo Tijucal por Igor Queiroz.

Tijucal é um bairro da zona sul da cidade de Cuiabá, capital mato-grossense, onde moro com meu pai Pablo, a minha mãe Fernanda e minha irmã Heloísa. Os moradores do bairro, costumam comprar rifas, vendidas para a finalidade de minha participação nas competições nacionais. Cada medalha é motivo de festa no local.

O início.

IQ – Comecei no Taekwondo com 9 anos, depois conheci o wrestling em 2014 e me apaixonei. O pessoal do bairro sempre comemora minhas conquistas e pedem para ver e tocar as medalhas. Daí tiro força para representar Mato Grosso e o Tijucal. Minhas primeiras medalhas foram nos Jogos Escolares e depois nas Etapas da Juventude. Em 2017 fui campeão brasileiro cadete.

IQ- O sonho de todos nós, é vencer um campeonato mundial, depois chegar nos Jogos Olímpicos e conquistar uma medalha. O local onde treino em Cuiabá, fica 32km da minha casa, muitos desistiriam. Mas eu não vou desistir. Aliás, essa é uma frase que sempre digo: “Nunca desista dos seus sonhos”.

Inspirações.

Apelidos:

OE.- Igor Queiroz tem 1,82m de altura e com o espírito rústico dos ancestrais indígenas Bororos, que foi apelidado de “Os Músculos de Cuiabá”.

OE – O presidente da Federação Mato-grossense de Jiu-jitsu e Lutas Associadas (FMTJJLA), Francisco José Pessoa Fernandes, explica que o prodígio já tem no currículo uma medalha de prata da etapa nacional dos JEJs 2015. Mas, segundo ele, não fica apenas por aí, pois o garoto também faturou o ouro no estilo livre e prata no greco-romano no Torneio da Juventude deste ano. Feitos significativos para um esporte com menos de quatro anos em MT.

FMTJJLA – Mato Grosso conquistou o total de nove medalhas, na etapa nacional dos Jogos Escolares da Juventude, sem somar as medalhas de outras competições. Foram: – 2  bronzes em 2013 com Josiel de Oliveira e Guilherme Carvalho, -2 bronzes em 2014 com Josiel e Larissa Tywaki. – E em 2015 ganhamos 2 pratas com Igor Queiroz e outra por equipe, – além de 3 bronzes com Josiel, Larissa e Guilherme”  Explica Francisco José Pessoa Fernandes.

Decepção.

Nos Jogos Olímpicos da Juventude em Buenos Aires 2018, Igor Queiroz  disputou no estilo greco-romano. Vivendo a expectativa de conquistar a primeira medalha olímpica para o Brasil na modalidade, o atleta precisou enfrentar dois medalhistas mundiais, logo nas eliminatórias da categoria -92kg. Derrotado em ambos os confrontos, Igor teve de adiar o pódio.

Fotos do Início da Carreira.

Reconhecimento no esporte:

BRASIL É OURO NO PAN-AMERICANO DE WRESTLING 2018

Luta Olímpica de MT fatura dois pódios nos Jogos Escolares

Classificados – Pan-Americana dos Jogos Olímpicos da Juventude 2018.

Mato Grosso brilha em torneio nacional de Wrestling

Campeões Brasileiros do Wrestling Cadete 2018 – Estilo Livre

Vídeo dos confrontos- neste fazemos questão de salientar que nenhum atleta caminha sozinho e Igor possui grandes amigos, dentre eles o atleta Guilherme Porto e toda a deleção de Wrestling Cadete.

Referências: Fotos e Declarações cedida por Igor Queiroz. Vídeos compartilhado de: Legendários e UWW; Trechos das entrevistas CN, O.E., texto informativo e Fotos adicionais, adquirida apartir do site:Conexão News RDNEWSRede Nacional do EsportesOlhar EsportivoCBW 

Veja também:

Guilherme Porto e a sua trajetória no wrestling.